Ao mestre com carinho

professoresO senador Alvaro Dias usou hoje uma citação de Santo Agostinho para homenagear o Dia do Professor: “Ensinar é um ato de amor às pessoas e à verdade”.  Ao longo de sua trajetória política, Alvaro Dias desenvolveu várias ações em defesa dos professores. Como Deputado Federal, foi o autor da PEC que instituiu a aposentadoria especial das professoras aos 25 anos de trabalho e dos professores, aos 30. Como Senador,  foi o autor do projeto do salário educação, que aumentou em 120% os recursos destinados aos municípios brasileiros, estabelecendo o repasse automático aos municípios, sem a necessidade de intermediários. Como governador do Paraná, Alvaro Dias estabeleceu o piso de três salários mínimos para o magistério (1987); criou duas universidades (UNICENTRO, com sede  em Guarapuava, e UNIOESTE, em Cascavel e campus em vários municipios) e decretou a gratuidade de ensino nas universidades estaduais. Atualmente  mais de 136 mil alunos estão nelas matriculados, sendo que 97% deles no interior. À frente do governo, Alvaro Dias implantou ainda o Ciclo Básico de Alfabetização e reformulou os currículos de alunos e professores, instituindo um novo modelo para a educação no Estado. Nessa época, o número de alunos matriculados no ensino supletivo cresceu 250% e nove mil professores se formaram na área de educação especial de deficientes. Os professores também puderam escolher o tempo de dedicação semanal à escola pública. Mais de 120.000 alunos frequentavam escolas com ensino integral nas regiões mais pobres. A Fundação Carlos Chagas pesquisou e destacou: no Paraná estava o melhor ensino público do país. Atualmente, o senador é o relator do PNE – Plano Nacional de Educação(Postado por Cristiane Salles-assessoria de imprensa)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.