Vetos na pauta, emendas na conta dos governistas, Dilma vitoriosa

O Congresso Nacional realiza nesta terça-feira mais uma sessão de análise de vetos presidenciais Mais....

Em debate, inclusão de alunos com deficiência e financiamento educacional

“Aqui estamos debatendo as estratégias de futuro, o planejamento, o estabelecimento de metas... Mais....

FGTS tem lucro recorde, mas trabalhador continua perdendo…

Em pronunciamento hoje no plenário, o senador Alvaro Dias lamentou que, enquanto o lucro do FGTS... Mais....

A verdade contra a distorção: crescimento e inclusão vieram com Plano Real

O Brasil vive o maior período democrático de sua história, iniciado com a convocação da Constituinte... Mais....

A privataria do PT: ex-diretor da Petrobras adverte para riscos do leilão de Libra

É um absurdo que um país, sem saber quanto tem de petróleo, coloque em leilão um campo com gigantesca... Mais....

 

Prêmio TOPBLOG 2013

O site do Prêmio Top Blog inicia nesta semana a votação para escolha dos melhores blogs da internet em diversas categorias. Este blog foi incluído entre os concorrentes, e já pode receber seu voto. Agradecemos aqui a todos os nossos visitantes que colaboram com seus votos para eleger nosso blog entre os melhores do País. Navegue até o rodapé deste blog e clique no banner abaixo para votar, e desde já, muito obrigado a todos os nossos leitores.

Aprovado projeto que amplia punições a dirigentes corruptos no esporte

corrupção Ex-dirigentes de clubes de futebol e entidades desportivas profissionais passarão a ser responsabilizados e receber as sanções civis previstas na Lei Pelé por dívidas temerárias assumidas em seus mandatos e deixadas para os seus sucessores. É o que prevê o PLS 429/2012, relatado por Alvaro Dias e que foi aprovado na manhã desta quarta-feira no Senado. Alvaro Dias, em seu parecer ao projeto do senador Vital do Rego (PMDB-PB), ressaltou que além de contribuir para evitar que dirigentes deixem dívidas insolvíveis e arrombem o caixa dos clubes, a proposta ainda vai impedir que os atuais diretores e presidentes utilizem créditos antecipados de forma irresponsável, sem que sejam posteriormente responsabilizados judicialmente. O senador destacou que maus gestores têm sido afastados ou respondem a processos judiciais em decorrência da atuação do Parlamento, com a realização da CPI do Futebol que levou à aprovação do Estatuto do Torcedor e da Lei de Responsabilidade do Desporto. “Até a CPI, os dirigentes esportivos estavam acima do bem e do mal, a legislação para eles não existia, estavam imunes à responsabilização civil e criminal. Arrebentavam os cofres dos clubes e iam para casa sem que nada ocorresse. Dirigentes corruptos, entre eles o mais popular de todos, o ex-presidente da CBF, eram até homenageados e nenhuma punição os alcançava. Este proposta vem se somar aos avanços conquistados com a CPI do Futebol, com objetivo de inibir a corrupção e os desmandos por parte de dirigentes do desporto nacional”, afirmou o senador. Como o parecer do senador foi votado em caráter terminativo, o projeto segue agora para a Câmara dos Deputados.Leia mais na Folha de S.Paulo, no Globo e no site Terra (Postado por Eduardo Mota – assessoria de imprensa)

Inflação volta a subir e crescimento do PIB empaca mais uma vez

dlma-inflacao-pib-chargeA atividade econômica brasileira ficou praticamente estável em agosto. Foi o que mostrou o Índice de Atividade Econômica (IBC-Br) do Banco Central, divulgado nesta quarta-feira (16). De acordo com o indicador, a economia do país registrou leve alta de 0,08% em agosto em comparação com julho (quando teve queda de 0,34%). No acumulado do ano, a prévia do PIB registrou alta de 2,76%, na comparação sem ajuste sazonal, a mais utilizada pelo mercado. O índice é elaborado mensalmente pelo BC e é considerado uma prévia do PIB – que é calculado pelo IBGE. O indicador do BC é visto como uma antecipação do resultado do PIB, e serve de base para investidores e empresas adotarem medidas de curto prazo. Outro índice divulgado hoje, desta vez pela Fundação Getúlio Vargas, mostra um avanço da inflação. O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) da FGV registrou variação de 0,45% na segunda semana deste mês, alta de 0,07 ponto percentual sobre o resultado anterior. A alta foi influenciada principalmente pelo grupo alimentação, que passou de 0,41% para 0,63%. Segundo o levantamento, cinco das oito classes de despesa que fazem parte do índice subiram. (Postado por Eduardo Mota – assessoria de imprensa)

Dilma inaugura até casas sem água e luz

327048-970x600-1Neste ano pré-eleitoral, a presidente Dilma Rousseff ampliou o ritmo de viagens nacionais, com agendas repetidas e entrega de moradias sem água e energia elétrica. De janeiro a esta terça (15), quando visitou duas cidades baianas, a pré-candidata à reeleição passou 51 dias em deslocamentos pelo país, marca 13% acima do mesmo período de 2011 e 34% ante 2012. Sem obras de impacto para entregar, já que vitrines como ferrovias e transposição do rio São Francisco seguem longe das metas iniciais, ela tem focado as cerimônias de viagens em ações de alcance local. Participou este ano de 11 eventos para entregar retroescavadeiras e outras máquinas a prefeitos. (Foto: Mário Bittencourt/Folhapress)

Plano de Educação, oportunidade para construção de um futuro melhor

O Plano Nacional de Educação possui metas ousadas, e no debate sobre o projeto, a sociedade assiste ao confronto da ousadia com a possibilidade. Quem afirma é o senador Alvaro Dias, relator do PNE 2014-2023, para quem as metas do plano, apesar de ousadas, são de difícil concretização. No Plenário, na tarde desta terça-feira, Alvaro Dias fez um relato dos debates que ocorreram na Comissão de Educação, na audiência que contou com representantes do governo, da área de gestão educacional, de órgãos e conselhos do setor, e também de administrações estaduais e municipais. O senador listou, na Tribuna, as 20 metas do PNE que são alvo dos debates na comissão, e reiterou para a importância da participação de parlamentares, gestores, membros do governo e, principalmente, da sociedade, para que se possa aprovar um Plano que seja a síntese do que deseja o povo brasileiro em relação à educação. “Quero fazer um apelo aos brasileiros ligados ao setor educacional: que contribuam com as suas ideias, que encaminhem suas sugestões a este relator ou aos outros senadores, para que possamos redigir um relatório final com a participação de milhares de mãos de brasileiros que entendem ser a educação fundamental para o futuro do País. Se esse PNE em 10 anos se tornar uma realidade, a educação brasileira será totalmente diferente, e certamente o nosso País caminhará com maior velocidade na direção de um futuro mais adequado a todos os brasileiros”, afirmou o senador Alvaro Dias. (Postado por Eduardo Mota – assessoria de imprensa)

Vetos na pauta, emendas na conta dos governistas, Dilma vitoriosa

dilma-cachorrinhoO Congresso Nacional realiza nesta terça-feira mais uma sessão de análise de vetos presidenciais, e na pauta de votação, estão vetos de Dilma ao projeto que trata da concessão de privilégios a credores por restituição de prêmio de seguro; do direito à indenização aos auditores da Receita e policiais federais e rodoviários federais que trabalham em região de fronteira; da criação e transformação de cargos na administração federal; e da ampliação do rol dos beneficiários de incentivos tributários a produtores de etanol e à indústria química. Para o senador Alvaro Dias, a apreciação mensal de vetos representa um avanço e o respeito à Constituição, mas há que se lamentar o domínio do Executivo sobre o Legislativo com sua ampla maioria, que garante a manutenção dos vetos, mesmo em matérias polêmicas. “Estamos cumprindo a exigência constitucional, e isto já é um avanço. Mas com sua esmagadora maioria, o governo faz prevalecer sempre os vetos de Dilma. E os mantém mesmo com os parlamentares oportunistas, que se utilizam da votação dos vetos para barganhar, obter vantagens na liberação de emendas parlamentares. Em momentos assim, como no mês passado, o governo joga pesado, como na votação do veto ao projeto que extinguia a multa do FGTS, quando houve liberação recordes de emendas, o que é muito ruim para a imagem do parlamento”, disse o senador. (Postado por Eduardo Mota – assessoria de imprensa)

Governo fica com lucro recorde do FGTS, trabalhador fica com prejuízo

Em pronunciamento feito no dia 14/10/2013, o senador Alvaro Dias lamentou que, enquanto o lucro do FGTS aumentou 938% nos últimos 10 anos, o valor total dos juros de correção creditados nas contas dos trabalhadores tenha crescido apenas 69,15% no mesmo período. Só em 2012, o FGTS teve um lucro de R$ 14,3 bilhões. Assista trechos do discurso no vídeo. (Gustavo-Assessoria)

Visitas

[fsg_gallery id=”25″]
 

O senador Alvaro Dias(PSDB/PR) recebeu hoje a visita da prefeitade Guamiranga(PR), Telma Regina Bilouwsm Fenker, que estava acompanhada da secretária de Administração do município, Elizabete Rech. O prefeito de Nossa Senhora das Graças(PR), João Pineli Pedroso – acompanhado do vice-prefeito, Valdir Miosso e do vereador Francisco Maratta – e o vereador Fábio Rocha de Moraes, de Ivaiporã(PR),  também estiveram  no gabinete do senador   (Assessoria/ Fotos Luiz Wolff)

Ao mestre com carinho

professoresO senador Alvaro Dias usou hoje uma citação de Santo Agostinho para homenagear o Dia do Professor: “Ensinar é um ato de amor às pessoas e à verdade”.  Ao longo de sua trajetória política, Alvaro Dias desenvolveu várias ações em defesa dos professores. Como Deputado Federal, foi o autor da PEC que instituiu a aposentadoria especial das professoras aos 25 anos de trabalho e dos professores, aos 30. Como Senador,  foi o autor do projeto do salário educação, que aumentou em 120% os recursos destinados aos municípios brasileiros, estabelecendo o repasse automático aos municípios, sem a necessidade de intermediários. Como governador do Paraná, Alvaro Dias estabeleceu o piso de três salários mínimos para o magistério (1987); criou duas universidades (UNICENTRO, com sede  em Guarapuava, e UNIOESTE, em Cascavel e campus em vários municipios) e decretou a gratuidade de ensino nas universidades estaduais. Atualmente  mais de 136 mil alunos estão nelas matriculados, sendo que 97% deles no interior. À frente do governo, Alvaro Dias implantou ainda o Ciclo Básico de Alfabetização e reformulou os currículos de alunos e professores, instituindo um novo modelo para a educação no Estado. Nessa época, o número de alunos matriculados no ensino supletivo cresceu 250% e nove mil professores se formaram na área de educação especial de deficientes. Os professores também puderam escolher o tempo de dedicação semanal à escola pública. Mais de 120.000 alunos frequentavam escolas com ensino integral nas regiões mais pobres. A Fundação Carlos Chagas pesquisou e destacou: no Paraná estava o melhor ensino público do país. Atualmente, o senador é o relator do PNE – Plano Nacional de Educação(Postado por Cristiane Salles-assessoria de imprensa)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.